29 de janeiro de 2010

ANO NOVO, VIDA VELHA.

  Peço perdão pela ausência deste meio de comunicação com quem quer que seja que ainda têm a capacidade de olhar minhas postagens aqui. Pois bem , ano novo normalmente se vê falar de vida nova, mas não foi muito bem isso que ocorreu comigo. 
  Eu continuo do mesmo jeito que vocês me conhecem, ao menos por enquanto. Andei estudando alguns métodos de evolução espiritual. Também estudei métodos de machismo e coisas do tpw. O que me deixou muito baqueado foi não ter conseguido passar no vestibulinho técnico que realmente iria ajudar um pouco nas coisas. As coisas começaram a despencar vagarosamente até chegarem onde estão. 
  Não estou bem, não é algo a se entender, quando se pensa em respostas você as quer o mais rápido possível e o que mais lhe deixa tenso é a situação para consegui-las. Algumas perguntas que me faço ainda existe respostas, mas outras respostas nem sequer existem perguntas. E assim tudo que se foi ouvido com a despencagem de carreira estudantil e a ausencia de respostas lhe deixam numa situação muito conhecida perante bastante pessoas: O que que estou fazendo aqui? 
  Garotos e garotas, não sei o que estou fazendo aqui, mas sei que é por algo muito importante, porque tenho certeza que não nasci pra pouca coisa. Dizem por ae que eu mereço, não sei ao certo se sim, mas sei que minha possibilidade de satisfação com a vida pode melhorar dependendo do meu futuro. 


  "Espero que o tempo melhore as situações antes que as mesmas engula o tempo que me resta" 


                                                                                                                            B. Bellato

Um comentário:

Bellato: disse...
Este comentário foi removido pelo autor.